FANDOM


Papa Leão VII era romano e provavelmente Monge Beneditino, era abade de São Sixto quando foi eleito Papa a 3 de Janeiro de 936, por influência de Alberico II, principe e senador de Roma. Hugo, ostentando o título de rei de Itália (Lombardia) disputava o poder de Alberico, pelo que cercou Roma. Leão sabendo que o abade de Cluny, Odon, tinha certa influência sobre os dois, aconselhou-o a dirimir a disputa. Para tanto bastou o casamento entre Alberico e Alda, filha de Hugo, o que levou a um interregno entre os beligerantes.

As bulas papais consistiram na sua maior parte em garantir privilégios a vários mosteiros, especialmente aos da Ordem de Cluny. Escreveu aos bispos de França e da Alemanha dando directrizes para empreender uma reforma monástica. Não permitiu ao arcebispo Frederico de Mainz (Alemanha) baptizar judeus à força, mas autorizou a expulsão das cidades, daqueles que recusavam abraçar o cristianismo… Tentou restablecer o celibato sacerdotal e lutou contra o fenómeno dos bruxos e adivinhos. Mandou reedificar o antigo Cenóbio, perto da Igreja de São Paulo, fora das muralhas de Roma. A sua morte ocorreu em 13 de Julho de 939.

Nuvola apps ksig Este artigo é somente um esboço. Você pode ajudar ao Cristianismo Wiki expandindo-o.



Precedido por
João XI
Znak vatikan
Papa

127.º
Sucedido por
Estêvão IX
45px-Smallwikipedialogo.png Este artigo utiliza material oriundo da Wikipédia. O artigo original está em Papa Leão VII. A relação dos autores originais pode ser vista no histórico do artigo. Assim como acontece com a Cristianismo Wiki, o texto da Wikipédia encontra-se debaixo da Licença de Documentação Livre GNU.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória