FANDOM


Novo Testamento
Illuminated.bible.closeup.jpg
Evangelhos
    Mateus (Mat, Mt)
Marcos (Mar, Mc)
Lucas (Luc, Lc)
João (Jo)
Livro Histórico
Atos (At)
Epístolas Paulinas
Romanos (Rom, Rm)
I Coríntios (I Cor, I Co)
II Coríntios (II Cor, II Co)
Gálatas (Gal, Ga)
Efésios (Ef)
Filipenses (Filip, Flp)
Colossenses (Col)
I Tessalonicenses (I Tess, I Tes)
II Tessalonicenses (II Tess, II Tes)
I Timóteo (I Tim, I Tm)
II Timóteo (II Tim, II Tm)
Tito (Tit, Tt)
Filemon (Filem, Flm)
Hebreus (Heb, Hb)
Epístolas católicas
Tiago (Tg, Tia)
I Pedro (I Pe, I P)
II Pedro (II Pe, II P)
I João (I Jo)
II João (II Jo)
III João (III Jo)
Judas (Jud)
Livro Profético
Apocalipse (Apoc, Ap)


Evangelho é uma mensagem, geralmente de conteúdo religioso, ou o livro que contém tal mensagem.

A expressão surgiu com o cristianismo e significava boas novas, ou boas notícias, uma referência à mensagem cristã. Desde Justino no ano 150 começou a ser dado o nome de evangelhos aos livros que contivessem a mensagem do evangelho, ou mais genericamente, narrassem qualquer parte a vida de Jesus Cristo ou elencassem seus ensinamentos.

No mundo actual a palavra é às vezes usada se referindo a qualquer mensagem religiosa ou que seja pregada como solução completa para algum problema.

Os evangelhos como um género literárioEditar

Os evangelhos são um género único na literatura universal. Não são meros relatos, mas também um convite à adesão ao cristianismo. A sua primeira intenção não é a biográfica. Apresentam Cristo como messias, filho de Deus e salvador da humanidade. Contém colecções de discursos, de parábolas e relatos, como o da paixão de Cristo (A Paixão de Cristo) e sua ressurreição.

Evangelhos canônicosEditar

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Evangelhos canônicos

Os evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João são chamados evangelhos canónicos por serem os únicos que o Cristianismo primitivo admitiu como legítimos e hoje integram o Novo Testamento da Bíblia, sendo também os únicos aceitos pelos grupos que sucederam (como os evangélicos). As igrejas cristãs só aceitam estes quatro evangelhos como tendo sido inspirados e fazendo parte do Cânon. As igrejas protestantes tem na Bíblia Sagrada, incluindo os evangelhos, sua única regra de fé e de prática.

Evangelhos apócrifosEditar

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Livros apócrifos

Centenas de outros evangelhos foram escritos na antiguidade, que são chamados evangelhos apócrifos.Entre os manuscritos encontrados no Egito, conhecidos como os da biblioteca de Nag Hammadi, figuram os evangelhos atribuídos a apóstolos de Cristo: o evangelho de Tomé, o evangelho de Filipe, o evangelho de Pedro e o evangelho de Judas. Contêm também o evangelho de Maria.

Evangelhos contemporâneosEditar

Russian Resurrection icon.jpg

Representação da ressurreição de Jesus Cristo, fundamento do Cristianismo narrado nos evangelhos

Nos dias atuais ainda são escritos evangelhos ou releituras deles, como O Evangelho Segundo Jesus Cristo ou Operação Cavalo de Tróia.

Etimologia Editar

Literalmente, evangelho significa "boa mensagem", "boa notícia" ou "boas-novas", derivando da palavra grega ευαγγέλιον, euangelion (eu, bom, -angelion, mensagem).

A palavra grega "euangelion" deu também origem ao termo "evangelista" para a língua portuguesa.

Ver também Editar

Ligações Externas Editar


45px-Smallwikipedialogo.png Este artigo utiliza material oriundo da Wikipédia. O artigo original está em Evangelho. A relação dos autores originais pode ser vista no histórico do artigo. Assim como acontece com a Cristianismo Wiki, o texto da Wikipédia encontra-se debaixo da Licença de Documentação Livre GNU.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória